fbpx

Bancos financiam obras de Atividades Essenciais de Tecnologia em até 36x para aquecer o mercado!

Os bancos privados já entenderam que as empresas de tecnologia têm papel fundamental na economia do país, e estão investindo pesado em financiamento de obras, desde pequenos projetos de instalação até grandes projetos e integração de sistemas de tecnologia.

Os valores médios mais comuns para obter o “Financiamento de Tecnologia” parte de R$ 500,00 até R$ 300.000,00, e em casos de projetos superiores a R$ 300.000,00, são feitas análises mais especificas, com grandes chances de viabilidade e podem ser feitos em até 36x.

Os juros para o “Financiamento de Tecnologia” são inferiores aos juros de Financiamento de Automóveis por exemplo. No último levantamento feito pelo Banco Central, Período: 24/04/2020 a 30/04/2020, as 44 Instituições Bancárias listadas, oferecem Financiamento de Veículos com juros de 1,60% A.M., e ou 21,46% A.A. em média.

Fonte: Banco Central do Brasil – Pessoa Física – Aquisição de Veículos

As negociações devem ser feitas sempre por “Canais Credenciados aos Bancos”, geralmente, Distribuidores, que por sua vez intermediam análise e aprovação das propostas junto aos bancos.

Entre as empresas que podem atuar nessa modalidade, estão as empresas de Segurança Eletrônica, Telecomunicações, Redes e Construção Civil.

Além disso, essas empresas podem optar por seguir com suas atividades durante o período de Pandemia, a venda de produtos e ou contratação de serviços é possível pois “contratante/contratada” estão resguardados pela Lei Federal nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020:

“ O Governo Federal, através da Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, definiu os serviços públicos e as atividades essenciais, e entre todos os serviços listados no Artigo 3° da Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, estão listados os serviços dos mercados de tecnologia e construção civil, são os itens III,VI e LIV:

III – atividades de segurança pública e privada, incluídas a vigilância, a guarda e a custódia de presos;
VI – telecomunicações e internet;
LIV – atividades de construção civil, obedecidas as determinações do Ministério da Saúde; e (Incluído pelo Decreto nº 10.342, de 2020)”

Fonte: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/decreto/D10282.htm

É muito importante sinalizar ao mercado que sua empresa está preparada para esse momento.

O momento é de contatar sua carteira de clientes e oferecer seus serviços, mas para isso, é preciso implantar novas rotinas e divulgar a seus clientes, através de um marketing assertivo, que sua equipe de instalação adotou como prática:

• Uso de máscaras de proteção em 100% do tempo em que o serviço for executado;
• Lavagem frequente das mãos, utilizando água e sabão, ou, uso de álcool em gel 70%;
• Durante execução do serviço, não há contato físico, como apertos de mão ou abraços;
• Em caso de contato com qualquer objeto do local de trabalho, imediata higienização dos objetos tocados;
• Não compartilhamento de objetos de uso pessoal entre os prestadores de serviços;
• Manter os ambientes de trabalho o mais arejado possível, evitando aglomerações;

Quem evidenciar a preocupação com a saúde dos clientes, e, mostrar a importância da sua atividade para a sociedade, sairá na frente nesse momento.

Bons Negócios e Pra Cima Deles!

Especialista em Formação de Carteiras de Clientes, Gestão de Equipes e Estratégias Comerciais.
linkedin.com/in/fabiocometti