fbpx

Switches da série Aruba CX 10000 com Pensando oferece serviços avançados e escaláveis de rede e segurança para data centers corporativos

A Aruba, uma empresa da Hewlett Packard Enterprise (NYSE: HPE), apresentou  o primeiro switch de serviços distribuídos da indústria, o que permite às empresas implantar serviços dinâmicos definidos por software nos quais os dados são criados e processados, eliminando a necessidade de dispositivos legados e software nos hosts necessários para construir as nuvens híbridas exigidas por aplicativos modernos e organizações de TI.

“Os mercados em transição criam novas oportunidades de ruptura. Conforme a nuvem se move para a borda, os serviços distribuídos estão criando rupturas em tudo, desde inteligência artificial e machine learning até 5G e virtualização”, disse John Chambers, presidente da Pensando, CEO da JC2 Ventures e ex-CEO da Cisco Systems. “Esta nova categoria, switch de serviços distribuídos, habilitado pela Pensando software-in-silicon, torna o processo de implementação de serviços distribuídos, anteriormente disponíveis apenas para grandes escaladores como a AWS, mais simples e econômico nas empresas. Ao eliminar dispositivos legados e software nos hosts, as empresas podem oferecer 100 vezes a escala e 10 vezes o desempenho com 1/3 do TCO – Total Cost of Ownership das abordagens tradicionais”.

Os switchs da série Aruba CX 10000 representam uma nova categoria de switches de data center que combina o switch L2/3 de data center da Aruba com a única DPU totalmente programável do setor (Pensando Elba) para fornecer serviços dinâmicos definidos por software em linha, em escala, com desempenho de taxa de transferência e escalas de ordens de magnitude e melhorias de desempenho em relação aos switches L2/3 de data center tradicional por uma fração do TCO.

“A Aruba e a Pensando possibilitaram a primeira arquitetura de serviços distribuídos do setor que permite às empresas criar e operar infraestruturas de rede com desempenho e escala exatamente como os gigantes da infraestrutura de hiperescala”, destacou Alan Weckel, fundador e analista de tecnologia do 650 Group. “Acreditamos que esta seja uma categoria emergente da indústria, distinta de todas as outras, que crescerá com o tempo. Cargas de trabalho novas e emergentes, como IA/ML, conduzirão o ecossistema em direção a soluções comparáveis com base em princípios inovadores de serviços distribuídos”.

Repensando o modelo de serviços de rede de hoje
Embora a rede do data center tenha evoluído na última década, fornecendo topologias spine-leaf de 25/100/400G de alto desempenho para lidar com o volume e a velocidade das arquiteturas de aplicativos emergentes, as arquiteturas de segurança e serviços não evoluíram.

Com o crescimento explosivo do tráfego leste-oeste no data center, os dispositivos de segurança centralizados estão se mostrando ineficientes, caros e difíceis de gerenciar. O tráfego hair-pinning para um dispositivo localizado na borda do data center apresenta penalidades de performance, custo e operação.

Esse problema é agravado por aplicativos baseados em microsserviços, nos quais o tráfego nem precisa sair de um host físico para ir de um serviço para outro. Isso significa que algum tráfego de aplicativo pode nunca ser inspecionado por um firewall de hardware, IPS ou outros dispositivos de segurança, deixando as empresas vulneráveis a ataques de dentro da própria organização.

Mudando para uma nova arquitetura de serviços distribuídos
Os switchs da série Aruba CX 10000 com Pensando oferecem uma classe totalmente nova de solução de switch para superar as limitações das arquiteturas legadas. O Aruba CX 10000 permitirá que as operadoras estendam a rede spine-leaf padrão da indústria com segmentação dinâmica distribuída, firewall leste-oeste, NAT, criptografia e serviços de telemetria – todos fornecidos em linha, o tempo todo, em cada porta de acesso, mais perto de onde aplicativos corporativos críticos são executados.

A solução oferece uma combinação única de desempenho, escala e automação para distribuir serviços avançados de rede e de segurança onde for impraticável e caro forçar o tráfego de ida e volta pela rede para um ponto de aplicação de política centralizado. Em vez disso, as empresas agora podem simplesmente aplicar esses serviços na borda da camada de acesso da rede onde os aplicativos estão sendo executados. Os principais casos de uso iniciais incluem:

Data centers corporativos locais e nuvem privada
As arquiteturas tradicionais de data center com dispositivos de segurança centralizados e baseados em hardware estão sendo levadas ao limite, causando impactos no desempenho, na agilidade e nos custos que não são sustentáveis. O Aruba CX 10000 oferece uma arquitetura atraente para distribuir serviços avançados para a borda do data center com automação unificada de rede e segurança, além de gerenciamento de políticas. Essa nova solução otimiza a banda e o desempenho da rede por não ter que levar o tráfego local a um ponto de estrangulamento centralizado, ajudando a melhorar a postura de segurança ao mesmo tempo em que limita a proliferação, complexidade e custo dos dispositivos.

Co-location na borda – interconectando provedores de nuvem com segurança
O custo de criptografar o acesso à nuvem pública usando dispositivos tradicionais é exorbitante. Muitos clientes têm um mandato de conformidade para criptografar todo o acesso aos recursos de nuvem pública. O Aruba CX 10000 oferece roteamento de borda, criptografia de taxa de linha, firewall e NAT, com telemetria ponta a ponta para conexões dedicadas de nuvem pública a partir de data centers locais ou de co-location. Esta solução reduz radicalmente o custo total de propriedade, fornece uma arquitetura de segurança otimizada e reduz os riscos e o tamanho do impacto de um evento de segurança para as organizações de TI.

O Aruba ESP (Plataforma de Serviços Edge) foi projetado para unificar, automatizar e proteger todos os serviços de borda de rede em diferentes domínios, incluindo remoto, filial, campus e data center. O Aruba CX 10000 ajuda os clientes a expandir uma arquitetura de rede Zero-Trust mais para dentro do data center, até a borda do servidor de rede, oferecendo 800G E-W de serviços dinâmicos em cada porta de switch, ampliando drasticamente e fortalecendo a segurança de aplicativos e cargas de trabalho críticos.

“Estamos entusiasmados com o fato da Aruba ter avançado com a abordagem de serviços distribuídos, levando-a do servidor para a camada mais alta da rede”, afirmou John Galatea, vice-presidente de vendas da Dasher Technologies, um parceiro Platinum da Aruba. “Acreditamos que nossos clientes se beneficiarão da segurança granular e visibilidade aprimoradas fornecidas pelo Aruba CX 10000 ao mesmo tempo em que otimizam os recursos de rede e infraestrutura. Essa arquitetura permite que nossos clientes superem as limitações das soluções legadas, movendo a segurança para mais perto de onde os aplicativos e as cargas de trabalho estão sendo processadas”.

Ampliando o relacionamento da HPE com a Pensando
Esta nova solução complementa a Pensando Distributed Services Platform (DSP) para servidores HPE anunciada anteriormente e fornecida como uma opção de fábrica em servidores HPE ProLiant, sistemas HPE Apollo e sistemas HPE Edgeline Converged Edge.

Aruba CX 10000 estende a implementação desses serviços inteligentes para dentro da malha de rede do data center, abordando uma ampla gama de casos de uso, incluindo implementações em área industrial ou ambientes com infraestrutura agnóstica/heterogênea para complementar ou aumentar as implementações SmartNIC.

“O anúncio de hoje estende ainda mais a parceria entre a HPE e a Pensando ao incorporar os serviços distribuídos da Pensando à plataforma de switch da Aruba. A eliminação de tecnologias legadas necessárias para construir uma nuvem privada Zero-Trust nunca foi tão fácil ou mais econômica”, afirmou Prem Jain, CEO da Pensando Systems. “Estou ansioso para continuar nosso relacionamento e trazer soluções adicionais para o mercado.”

Como parte do relacionamento, a Pensando também obtém acesso ao vasto portfólio de patentes da HPE por meio de seu Programa de Compra de Patentes Defensivas.

Para saber mais sobre o switchs da série Aruba CX 10000 com Pensando e como permitirá a próxima evolução na arquitetura de switch, acesse o evento virtual: https://hpe.events.cube365.net/hpe/aruba-pensando

Preço e disponibilidade
O Aruba CX 10000 estará disponível em janeiro de 2022 com preços a partir de US$ 45.000, o que incluirá firewall com dinâmica acelerada, segmentação Zero-Trust, ERSPAN, telemetria e proteção DDoS.

Referencias adicionais
Saiba mais sobre a modernização do data center
Blog: A próxima evolução da arquitetura de comutação está aqui

Sobre a Aruba
A Aruba, uma empresa da Hewlett Packard Enterprise, é líder global em soluções de rede seguras da borda à nuvem, que utilizam inteligência artificial para automatizar a rede enquanto aproveitam o poder dos dados para gerar resultados de negócios. Com a Aruba ESP (Edge Services Platform) e opções as-a-Service, a Aruba adota uma abordagem nativa em nuvem para ajudar seus clientes a alcançar suas expectativas financeiras, de conectividade e de segurança na matriz, filiais, data center e ambientes de trabalho remoto, cobrindo todos os aspectos de redes LAN com e sem fio e também de longa distância (WAN).

By rt360