Tecnologia usa Wi-Fi para identificar pessoas através de paredes

A identificação é feita com base na maneira que a pessoa caminha; de acordo com os cientistas, cada um possui uma maneira de andar, e isso pode ser usado nessa identificação

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, em Santa Barbara, desenvolveram uma maneira de detectar pessoas através de uma parece usando sinais de Wi-Fi. A técnica pode ser utilizada para identificar indivíduos que também aparecem em imagens captadas por uma câmera.

A nova tecnologia, chamada de XModal-ID, funciona essencialmente usando sinais de Wi-Fi para medir uma pessoa enquanto ela anda. Como esses sinais não atravessam as pessoas, eles podem ser usados para capturar o ‘modelo’ de um indivíduo e, usando um algoritmo, podem rastrear como eles se movem.

Os pesquisadores acreditam que essa informação – em particular o modo de andar de uma pessoa – pode funcionar como uma espécie de identificação única. Se a maneira como uma pessoa caminha, conforme determinado pelos sinais de Wi-Fi, corresponde à maneira como uma pessoa capturada na câmera se move, é possível concluir que se trata da mesma pessoa.

Os pesquisadores por trás do XModal-ID ainda afirmam que a tecnologia pode ser usada para ajudar a identificar uma pessoa suspeita de cometer um crime, por exemplo. Nesse cenário, digamos que a pessoa teve suas imagens capturadas por uma câmera de segurança, mas não pode ser claramente identificada. A tecnologia pode ser usada para combinar seus movimentos, usando-a como uma espécie de determinador biométrico que poderia ajudar a identificar o suposto criminoso.

Há estudos que corroboram a ideia de que o “caminhar” de uma pessoa é exclusivo dela e pode ser usado para determinar sua identidade. Pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Massachusetts e da Universidade Carnegie Mellon trabalharam para desenvolver tecnologias que podem medir os passos de uma pessoa e identificá-la com base na maneira como ela anda.

Com a tecnologia criada, o grande desafio é fornecer informações sobre a maneira de caminhar de uma pessoa, a fim de combiná-las para a identificação. Com o XModal-ID, esses dados vêm de uma câmera que já capturou uma pessoa andando.

A maioria das pessoas que caminham em frente a uma câmera não são criminosas, mas estão sendo capturadas de qualquer forma. A ideia de que seu caminhar pode ser usado para determinar sua identidade é bastante assustadora.

A tecnologia pode ter muitas aplicações úteis, mas as perspectivas de uso indevido das informações coletadas podem levantar diversas questões de violação de privacidade. Hoje em dia, quase qualquer lugar possui redes Wi-Fi, se a tecnologia for implementada, poderemos ser identificados em qualquer lugar a partir de nossa maneira de andar.

Fonte: Mic

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *