Cripto-âncoras e blockchain contra a fraude

O avanço das cripto-âncoras e da tecnologia de blockchain juntas vai garantir a autenticidade dos produtos em toda a cadeia. Do ponto de origem até as mãos do consumidor. Isso será possível introduzindo a criptografia nos produtos físicos, fazendo com que as informações por blockchain passem a fazer parte daquele produto. Nanocomputadores, sensores e até tinta magnética com informações criptografadas irão dizer se um produto é original, por onde ele passou, se foi manuseado corretamente e se está em plenas condições de uso.

Essa invasão da programação de blocos em cadeia no mundo físico será muito bem-vinda. Andreas Kind, gerente da indústria de plataformas e blockchain da IBM, citou, no relatório da empresa, o impacto dessa iniciativa na área de saúde. Em alguns países, quase 70% dos medicamentos que salvam vidas são falsificados. É um grande desafio rastrear os produtos e evitar a adulteração, já que a complexa cadeia de abastecimento é composta por fornecedores de diversos países. Outro exemplo é o setor automotivo, quando precisamos trocar uma peça do carro e não temos certeza de que ela veio da origem correta, ou do “mercado paralelo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *